sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Alívio: Lula desmente que pretenda livrar Eduardo Cunha da cassação

Alívio geral na esfera pública: dificilmente Eduardo Cunha
 vai conseguir escapar...
Fui advertido ontem sobre a possibilidade de que a matéria do Estadão (leia a postagem abaixo) que falava sobre um suposto jogo de conciliação de Lula para salvar Eduardo Cunha em troca do arquivamento dos pedidos de impedimento de Dilma fosse coisa plantada na mídia com o objetivo de confundir os dados da crise política.

Pois parece que foi isso mesmo o que aconteceu: o jornal Valor Econômico traz hoje o desmentido do próprio Lula de que ele tenha a intenção de proteger o por enquanto presidente da Câmara. Tudo indica, portanto, que o destino de Cunha vai se desenhando, ainda mais agora que o STF autorizou outro inquérito contra ele a pedido de Rodrigo Janot.  É o cenário de uma 6a feira toda ela desfavorável aos conspiradores do impeachment. Odebrecht não sai, aquele mesmo reverenciado pela mídia e pelos parlamentares, processo contra Malafaia por homofobia prossegue e a credibilidade de Aécio despenca...

Leia mais: * Cresce no PT pressão para partido endossar cassação de Cunha (Uol) * Como a Lava Jato foi pensada como uma operação de guerra (GGN) * As implicações geopolíticas da Lava Jato (GGN)
______________________________

Nenhum comentário: