quinta-feira, 23 de junho de 2016

Sem segredos

O espetáculo não é um conjunto de imagens, mas 
uma relação social daspessoas mediada pela imagem
(Guy Debord, A Sociedade do Espetáculo)

La facilidad de escribir cartas debe haber traído al mundo una terrible perturbación de las almas porque es una relación con fantasmas; y no solo con el fantasma del destinatario, sino también con el propio
(Franz Kafka)

Em 2006, a Time interrompeu a série de capas tradicionais dedicadas à personalidade do ano com uma referência sinalizadora  das mudanças operadas nos paradigmas da comunicação: a personalidade do ano é você mesmo, dizia a revista ao referir-se à sequência de eventos que tinha no espaço virtual criando pelas tecnologias digitais  como uma era de deslocamentos culturais.

O site espanhol Jot Down Cultural Magazine  publica uma análise de rara felicidade sobre o processo de mudanças para o qual a Time nos advertiu.  Leia aqui: Intimidade e Espetáculo, Beatriz Guilhén.
______________________________

Nenhum comentário: