quinta-feira, 16 de junho de 2016

Time out na garagem

Brubeck construiu o gosto musical de uma geração inteira
A dica é do site do Luis Nassif: o LP Time Out, do Dave Brubeck Quartet, álbum com a versão mais famosa da m;usica Take Five, de Paul Desmond, é o tema da sessão do Audições Históricas que se realiza no Teatro Paulo Autran, em Pinheiros (leia mais).

O disco é de 1959, mas foi ao longo dos anos 60 que ele deslumbrou os amantes do jazz com as inovações rítmicas de Brubeck associadas ao vanguardismo do baterista Joe Morello e do saxofonista (alto) Paul Desmond. Para a geração da Vila que passava as madrugadas nas garagens especulando sobre o sentido dos sentidos, só um outro álbum se equiparou a esse: o The Blues in Modern Jazz, uma antologia hoje raríssima que reuniu nomes como o Lennie Tristan (Requiem), Jimmy Giuffre (Two kinds of blues), Art Blakey com Thelonious Monk (Blue Monk) , o iniciante Charles Mingus (Haitian Fight Song) e o refinado Modern Jazz Quartet (Bluesology). O jornalista David Remnick, da New Yorker, selecionou os 100 álbuns essenciais do jazz: ninguém mais é o mesmo depois de atravessar pelo menos parte dessa experiência musical. Melhor ouvir tudo.
______________________________

Nenhum comentário: