sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Um Brasil doente

Nem mesmo compostura eles têm...
Wladimir Costa, o deputado federal que tatuou no próprio corpo a abjeta sujeição, festeja com seu dono a triste notoriedade: transformou-se na imagem dos cães de guarda que em troca de alguma coisa votaram pelo arquivamento das denúncias da corrupção praticada por Temer

Nenhum comentário: