segunda-feira, 2 de julho de 2018

Disparidades sociais e soberania frente aos EUA decidem eleições no México

A escolha mexicana: protagonismo dos trabalhadores na construção dos destinos do país
A bela foto que ilustra a matéria sobre o México publicada no El País tem um significado intenso: a complexa engenharia política que López Obrador, vencedor das eleições presidenciais,  precisará implementar. De um lado, as marcas da submissão ao imperialismo dos EUA; de outro, as graves disparidades sociais. Para o jornalista Javier Moreno, do El País, Tsunami eleitoral que levou a esquerda ao poder chegou com a promessa de tornar realidade uma sociedade mexicana mais igualitária.

* López Obrador é eleito presidente e centro-esquerda chega ao poder pela 1a vez no México (Opera Mundi) * Obrador abre guerra contra empresários (Estadão) * Turbinar crescimento econômico e conter Trump (El País) * A incógnita López Obrador (El País) * Vitória de Obrador no México ;e triunfo da verdade sobre a mentira, diz Maduro (Opera Mundi) * Mexicanos vão às urnas e votam por mudanças (Valor) * Obrador iniciou carreira no tradicional PRI (Valor) * Políticas econômicas: lições do México para o Brasil? (Carta Capital) * Presidente eleitor do México revisará contratos do petróleo (ValorA revolução permanente mexicana (El País) * Com Obrador, a onde conservadora acabou? (Maringoni, GGN) * As raízes do movimento que levou AMLO ao topo do poder (IHU) * Que viva México! (Outras Palavras).
______________________________

Nenhum comentário: