quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

O Brasil que resiste

Bancada progressista da Câmara consegue adiar mais uma vez a votação do projeto Escola sem Partido (leia no DCM). Restrições à liberdade de expressão dos professores são repudiadas até mesmo entre parlamentares conservadores que acusam o projeto de pretender substituir a ciência pelos discursos de Malafaia
Zebra: * Achava que ia ser ministro e não fui, lamenta Magno Malta (The Intercept).
______________________________

Nenhum comentário: