A Batalha no STF

Sísifo: mestre da malícia e da felicidade, um dos maiores
desafetos dos deuses
* Tirania do Judiciário não se limita ao STF, e fraudou democracia brasileira (Poder 360).

* Xadrez do roteiro de manipulação dos sorteios do STF (GGN)

* Carmen Lúcia Candela ida a um evento patrocinado por empresa condenada (Blog do Josias, Uol)

* O papel do STF na democracia brasileira (El País)

* Juristas apresentam pedido de impeachment de Gilmar Mendes (Valor)

* O impeachment e o papel do STF (Carta Capital)

* Supremo sem política é ilusão (Estadão)

* Ex-presidente da OAS delata ministro do STF Dias Toffoli (Veja)

Grande mídia é a caixa de ressonância do golpe, mas Judiciário é o ator principal (Laymert Garcia dos Santos, da Unicamp, via Ópera Mundi)

* Decisões tardias ajudam a entender o papel do STF no golpe (GGN)

* Perda de apoio político é indispensável a impeachment, diz Barroso (Valor)

* Janot esfregou a lei na cara de Gilmar (Blog da Cidadania)

* Conversas com políticos não prejudicam imparcialidade, diz Lewandowski (Estadão)

* STF, última trincheira institucional, arrastado para a crise (El País)

* Gilmar Mendes, a desonra da toga (Valor)

* Interferência do judiciário na crise não é remédio, mas parte da doença (El País)

* A balança do STF no impeachment (Valor Econômico)

* O STF não vai barrar o golpe porque ele é parte do golpe (Ópera Mundi)

* Judiciário estará acima da lei? (Raduan Nassar, Outras Palavras)

* Forma e conteúdo (Jânio de Freitas, Folha)

* Ministros do STF começam a questionar Dilma (Estadão)

* Marco Aurélio versus Gilmar Mendes (Outras Palavras)

* A política está pautando o judiciário e não o contrário (IHU)

* Após deslizes de Moro, STF redobra cuidados com a Lava Jato (El País)

* Depois de Teori, Facchin é alvo de protestos (Estadão)

* STF nega pedido de inclusão de delação de Delcídio no pedido de impeachment de Dilma (Estadão)

* "Meu Deus do céu! Essa é a nossa alternativa de poder", diz ministro do STF sobre PMDB (Estadão)

* STF deverá decidir sobre delação de Delcídio em pedido de impeachment (Estadão)

* Para ministro do STF, sem fato jurídico (isto é, sem prova), impeachment transparece golpe (Estadão)

* Sérgio Moro pede desculpas ao STF pelo erro cometido com o grampo contra Lula (Folha)

* Ibsen Pinheiro: impeachment não é processo simples que julga crime de responsabilidade ou rejeição (Jornal da CBN)

* Na falta de crime, STF pode barrar o golpe (Brasil 247)

* O Supremo e o impeachment: os rumos do Brasil nas mãos de 11 ministros (El País)

* Para Jânio de Freitas, Teori é o ministro exemplar do STF (Brasil 247)

* Teori não se acoelhou: o fascismo ataca sua família (Carta Maior)

* A Lava Jato após Teori e Odebrecht (Outras Palavras)

* Teori manda Moro enviar investigação de Lula ao STF e coloca em sigilo as gravações (Folha)

Tales Ab'Saber: "Impeachment artificial faz Brasil abrir fraturas expostas" (El País)

O xadrez da batalha do impeachment (GGN) 

Como seria o pós-impeachment, caso ele ocorresse (Fábio Capela) 

* Juízes justiceiros que sonham com Watergate (El País)

* Sérgio Moro, de ídolo anti-PT à acusação de "populismo jurídico" (El País)

* Governo usará decisões anteriores de Gilmar para tentar derrubar contra Lula (Estadão)

* Governo pede que Tori suspenda ações e decisões sobre a posse de Lula (Uol)

* Governo usará decisões anteriores de Gilmar Mendes para reverter suspensão da posse de Lula (Uol)

* Lula não deve assumir cargo na 3a feira (Folha)

* Gilmar Mendes suspende posse de Lula e mantém processo com Moro (Estadão)

* Lula pede "isenção e firmeza" do STF para garantir a Lei e o Estado de Direito (Estadão)
______________________________

➤ Não gosto do ministro Antonio Dias Toffoli, do STF. Desde 2013, quando li na imprensa que ele relatava uma ação contra um banco no qual tinha empréstimos, tive sobre ele a pior das impressões: a Ética de sua posição de juiz deveria levá-lo a declarar-se suspeito para seguir com o caso. Outras notícias posteriores confirmaram uma imagem ruim que carrego de Toffoli. Agora vem dele a orientação de que os "ministros" golpistas de Temer citados na Lava Jato podem exercer o cargo. Será que podem? Lula não pode por que? Acho que o ministro e o STF devem uma explicação à sociedade.

➤ Leia mais sobre Toffoli: ★ Para Dias Toffoli, não há impedimento para que investigado na Lava Jatro seja ministro (Estadão) ★ Em dois anos, Toffoli fez 20 viagens oficiais a 15 países e recebeu R$ 153,9 mil (em.Política) ★ Toffoli atende bancos e suspende a correção de planos econômicos (Estadão) ★ Toffoli relata ações de banco no qual tem empréstimos (Carta Capital).
______________________________

Nenhum comentário: