As eleições 2018 e as nuvens carregadas que as ameaçam

ELEIÇÕES DE 2018: TODAS AS FORÇAS, TODOS OS CENÁRIOS

(matérias desde setembro, 2017)



Matérias da Piauí sobre as eleições
(a partir de julho/2018)

* Civilização e Barbárie (Miguel Lago)
* Lula, da cela à tela (José Roberto de Toledo)
* Vai uma quentinha aí? (Elvira Lobato)
* O Centrão propõe (Marcos Nobre)
* O sistema funciona. Mas a que preço? (Rafael Cariello)
* O nome da noiva é Valdemar (José Roberto de Toledo)
* Uma embaixada no Apocalipse (Miguel Lago)
* A estratégia de Lula (Marcos Nobre)
* A difícil travessia (Sérgio Fausto)
* A guerra das telas (José Roberto de Toledo)
* A política nas periferias (Suellen Guariento)
* Brasil, o grande Maranhão (Elvira Lobato)
* Cria Cuervos (Fernando Barros e Silva)
* O Facebook gestou o MBL (Miguel Lago)
* Quem se importa com as assembleias? (Rafael Cariello)
* Bolsonaro transfere seu sucesso na internet para a Tv (Josette Goulart e Marcella Ramos)
* Bolsonaro: elitismo e democracia na campanha eleitoral (Marcos Nobre)
* Evangélicos sem bancada (Ana Carolina Evangelista)
* Mulheres no caminho de Bolsonaro (José Roberto de Toledo)
* Política é paixão (Lucas de Abreu Maia)
* O universal e o particular (Fabiana Moraes)
* É possível renovar a Política (Miguel Lago)
* Segurança não é coisa da direita (Sérgio Fausto)
* A cisão (Marcos Nobre)
* A Era da Desconfiança (José Roberto de Toledo)
* Com Deus, sem Lula (Fernando de Barros e Silva)
* No sofá, com a crise (Elvira Lobato)
* O medo e o mito - a relação entre Bolsonaro e um rito do axé (Suellen Guariento)
* Bolsonaro fala outra língua - a da conectividade (Miguel Lago)
* O debate traduzido para o mercado financeiro (Josette Goulart)
* A culpa do alto clero (Rafael Cariello)
* Tempo eleitoral: modos de usar (Marcos Nobre)
* Muito Deus, pouca mulher (José Roberto de Toledo)
* O Brasil dos debates e o Brasil real (Ana Carolina Evangelista)
______________________________


(clipping do blog com matérias que falam sobre a interferência dos evangélicos nas práticas políticas)
______________________________

As principais matérias do El País sobre as eleições brasileiras

______________________________

O que pensam os eleitores de Bolsonaro?
______________________________

* Sem Lula, eleição é uma fraude, diz Jessé Souza (Carta Capital)

* Haddad chega a 15% com apoio de Lula e divide liderança com Bolsonaro no limite da margem de erro (InfoMoney) * Crescimento de Haddad em pesquisa leva nervosismo ao mercado (Folha)

* Os donos do Congresso: servidores, latifundiários, bancada da bala, evangélicos (Estadão)

Da incerteza radical à necessidade de construir uma alternativa progressita (Revista IHU On-line).

* O desafio das eleições que favorecem candidatos ricos e travam renovação do Congresso (El País)

* Democracia brasileira se esgarçou e pode se romper (André Singer, Uol)

* Chegou a hora de derrotar Bolsonaro (The Intercept)

* E os mercados já querem controlar o futuro presidente (Outras Palavras)

* Disputa entre centro direita e centro esquerda (Alberto Carlos de Almeida, Valor)

* As cartas estão na mesa,. mas o eleitor está alheio (síntese de Maria Cristina Fernandes do Debate Valor Econômico)

* Realidade fiscal se impõe e assessores de candidatos falam de ajuste (Debate Valor Econômico)

* Três tendências e um grande erro (Outras Palavras)

* Pedidos por intervenção militar refletem descrença da população (Rosana Pinheiro_Machado, El País)

Greve dos caminhoneiros: vitrine para a intervenção militar (El País)

Abin e PGU investigam infiltração militar na paralisação (Piaui)

Com greve dos caminhoneiros, conspiração toma conta de Brasília (Carta Capital)

* A greve dos caminhoneiros como catarse social (El País)

O momento é mais delicado que do impeachment (Carlos Melo, Uol).
__________

Uma possível era pós-Lula (IHU)

Há uma política de ódio paranóico que permite o desprezo total por Lula (Ab'Saber, El País)

Pobre democracia (Beluzzo, Carta Capital)

* Com o campo progressista fragmentado, a centro-direita leva de lavada durante anos (Marcos Nobre, El País)

* Candidatos de centro de direita fazem aliança e armam união futura (El País)

Quatro hipóteses sobre uma disputa não encerrada (Outras Palavras)

* Constituição cidadã não pode ser esquecida (Fernando Abrucio, Valor)

* Fala de general e reação de Temer expõem renascimento da desordem (Elio Gaspari, Folha)

Lula lidera cenários mesmo após condenação, diz Datafolha (Uol)

Desafio de Doria é subir nas pesquisas (Folha)

Preocupados com economia, empresários se articulam, para influenciar eleições (Estadão)

Enquete do ministro do STJ sobre disposição política dos brasileiros: 49% querem a volta dos tanques nas ruas (Estadão)

Desaprovação de Lula cai e a de Moro sobe, diz instituto (Estadão)

* A articulação política de Bolsonaro em grupos fechados do Facebook (Medium)

A direita mostra os dentes (Outras Palavras)

* Doria murcha, Meirelles brota (Folha)

Maia e Rebelo em regime de urgência, mas sob tutela (Viomundo)

Caciques tucanos têm desaprovação maior que a de Lula (Estadão).

Lula lidera em todos os cenários (Poder 360)

* Lula em transe (especial Folha)

* A ascensão do MBL (Estadão)

Após colocar-se como candidato, Meirelles se recolhe (Valor).

* Os fuzilamentos de Bolsonaro (El País)
______________________________

Nenhum comentário: