Estudos e crítica do Jornalismo



* Fórum sobre Jornalismo Cultural: entre o entretenimento mercantil e a crítica autorizada, um gênero em busca de identidade

* Fórum sobre o ensino de Jornalismo e de Comunicação: ao pretender uma identidade exclusiva na era da midiatização, os cursos de jornalismo correm o risco de não ter o que dizer nem aos alunos nem à sociedade
______________________________

A crise e as perspectivas do Jornalismo: 

* O Jornalismo do Brasil em 2017 (Antologia Farol e Abraji)


* Mais dedicação ao conteúdo, menos encantamento com a tecnologia (Maria Clara Aquino Bittencourt (Medium)

* Um esquecido nos estudos de mídia no Brasil (Venício Lima, no OI, sobre Stuart Hall - o artigo traz uma análise do texto de Hall, A produção social da notícia)

* Golpe é resultado da degradação do jornalismo, diz ex-ombudman (GGN)

* 9 lições que spotlight te ensina sobre o jornalismo (Flávia Marreiro)
  
* Spotlight, um filme para quem acha que o jornalismo está morrendo (Camila Moraes)
  
* O facebook o google conhecem nossos leitores melhor do que nós (Patricia Fernández de Lis)

* The New York Times anuncia apoio a Hillary nas primárias democratas (Valor)

* Tempos críticos: intelectuais e imprensa nas páginas do Le Monde (Contracampo, UFF)

* De Chatô a Aécio, a longa agonia do jornal O Estado de Minas (Angela Carrato).

* Os jornalistas e seus disfarces - Jornalismo e Cinema (Jot Down)

* A liberdade de falar sozinho. A imprensa e o direito de resposta (Luis Felipe Miguel)

* Nelson Wernek Sodré e a história da imprensa no Brasil (Ana Paula Goulart Ribeiro, RBCC)

Do Observatório da Imprensa: * A mídia pública e o jornalismo de qualidade: uma receita para o Brasil * Informação, politização e espírito crítico.

O modelo tradicional de jornalismo está quebrado (Gene Policinski)

* A imprensa digital se reinventa com um formato universal e aberto (El País)

* Crônica de um jornalismo que regrediu ao Facebook (Outras Palavras)

* Confira a página Projetos Especiais da parceria Estadão-Siemens, uma prova de que o problema é de valores, não financeiro

Cooperativas de jornalistas (OI) 

A "twiterização" do jornalismo (OI).

* Éramos felizes contra a ditadura (Observatório da Imprensa) 

* Morrem os jornais, surgem as marcas jornalísticas (Observatório da Imprensa)

* Os discursos sobre o jornalista empreendedor (Contemporânea, UFBA)

* A história oral nos estudos de jornalismo: algumas considerações teórico-metodológicas (Contracampo)

* Um aluno de jornalismo deveria ter uma sólida formação humanista, política e econômica (IHU)







* O suicídio do Jornalismo. Artigo de Sylvia Moretzsohn (Observatório da Imprensa). 

* A segunda natureza da realidade: Névoa midiática e versões dos fatos (Observatório da Imprensa).





* O impresso sobreviverá. Entrevista com Marcelo Kieling (Observatório da Imprensa).


* Publicidade que parece notícia (Observatório da Imprensa)

* A volta do jornalismo cor-de-rosa (Observatório da Imprensa)






* Enquanto isso: Jornalismo explicativo ganha força na web (Observatório da Imprensa)








* O mártir da pressa (sobre o caso Escola Base, Estadão)

* É tempo de uma nova forma de fazer notícia (O Globo, via Observatório da Imprensa)

* Distância sadia entre jornalistas e fontes (Observatório da Imprensa)

O jornalismo está nu (depois de ler isto, assista o vídeo O abraço corporativo). 

O caso Escola Base 20 anos depois. Um dos maiores erros do jornalismo brasileiro (vídeo do Observatório da Imprensa).

A versão mais forte. As grandes assessorias de imprensa no Brasil têm mais que o dobro do tamanho das redações, detêm a informação e, muitas vezes, bloqueiam o acesso a ela (El País).

O futuro do jornalismo digital. Entrevista com Alan Rusbridger, do Guardian, publicada no El País (Instututo Humanitas, Unisinos).

______________________________

* Antologia: Mídia Ninja e coletivo Fora do Eixo

______________________________

* David Remnick, da New Yorker: No seamos romanticos, no periodismo anterior a internet también había basura (do site Jot Down)
______________________________

Quatro textos sobre o impacto da venda do Washington Post à Amazon:

Multimilionários, inovação e as novas respostas para o jornalismo (Cleyton Carlos Torres, Observatório da Imprensa)

Cidadão Bezos? (Esther Dyson, Valor Econômico, via OI)


Gênesis online (Lee Siegel, Aliás, via OI)

A vida secreta nos mega-armazéns da Amazon (Paulo Nogueira, Diário do Centro do Mundo, via Outras Palavras)

Mídia, jornalismo e atualidade. Manuel Chaparro (O xis da questão)
_____

As ilusões perdidas. Graciela Mochkofsky. As aventuras de uma jovem repórter argentina na luta pela afirmação profissional num jornalismo em mudança. Piauí.
_____

Palavra nenhuma. Eugenio Bucci sobre a página editorial do Estadão na morte de Ruy Mesquita (Observatório da Imprensa)

O meu Jornal da Tarde, artigo de Humberto Werneck (Observatório da Imprensa)
_____

Para uma antropologia da notíciaLuiz Gonzaga Mota (Revista Brasileira de Ciências da Comunicação).

_____


O pretenso poder do 4o. poder. Por Luis Carlos Lopes (Agência Carta Maior ).

Continua em queda a credibilidade do Jornalismo. Ler os textos lincados na matéria (Observatório da Imprensa).
_____

O futuro do jornalismo digital. Entrevista com Alan Rusbridger, do Guardian, publicada no El País (Instututo Humanitas, Unisinos).

_____


* Vitrine e vidraça. Crítica de mídia e qualidade no jornalismo. Antologia organizada por Rogério Christofoletti, da UFSC.

O fechamento dos jornais impressos (Observatório da Imprensa).

______________________________

A queda de Russomanno e a derrota do jornalismo. João da Paz (Observatório da Imprensa).
______________________________

* Pensar o jornalismo sem jornais. Beatriz Borges (via Observatório da Imprensa)


A revista piauí: A quebra dos mitos. Artigo de Dirceu Martins Pio (via Observatório da Imprensa).


* Sylvia Debossan Moretzsohn analisa a importância da obra de Adelmo Genro Filho, via Observatório da Imprensa (clique 
aqui).

______________________________

Manchete


Manchete: uma revista e seu dono (Valor Econômico).

______________________________

Memórias da revista Senhor em 3 artigos:


A revista do futuro (Estadão, 05 de agosto de 2012).

Memórias curtas de Senhor. Naum Sirotsky (Observatório da Imprensa).

Uma senhora revista. Rui Castro (Ilustríssima, viaObservatório da Imprensa).
______________________________

Watergate 40 anos depois:

* Carl Berstein e Bob Woodward avaliam a dimensão do escândalo que levou à renúncia de Nixon. Leia aqui o artigo publicado no Estadão.


* Professor Joseph Campbell, da Universidade de Washington, analisa os mitos que envolveram o episódio (via BBC).

______________________________

* Jornalismo local: a luz no fim do túnel. Leia aqui o artigo de Carlos Castilho publicado no Observatório da Imprensa.


Os jornais e a ruína dos modelos. Alberto Dines entrevista Juan Luís Cebrián, do El País (Observatório da Imprensa na TV).
______________________________



* 60 anos do jornal Última Hora, de Samuel Wainer. Veja o especial do Observatório da Imprensa sobre o tema.

* Imprensa e política num jornal polêmico. Artigo de Matías M. Molina (Valor via Observatório da Imprensa)


* Alberto Dines entrevista Hélio Fernandes, do jornal A Tribuna da Imprensa, o inimigo número 1 de Samuel Wainer
______________________________

A Explosão do jornalismo. Ignácio Ramonet entrevistado Frédéric Durant, do L'Humanité (via Outras Palavras)
______________________________


* Para Umberto Eco, o episódio Wikileaks põe em evidência a hipocrisia que domina as relações entre os Estados, os cidadãos, a imprensa. Leia aqui a a versão em português do artigo publicado no Liberation.
______________________________

Encruzilhadas da ética em tempos de "nova mídia"
Artigo de Sylvia Moretzsohn publicado no Observatório da Imprensa.

* Jornalismo investigativo: caro, trabalhoso e chato. Por Branca Vianna (revista piauí, via Observatório da Imprensa).

Marco regulatório versus liberdade de expressão. Artigo de Venício Lima publicado no Observatório da Imprensa (via Carta Maior).


Tudo é permitido, menos a desinformação. Meu palpite sobre o episódio do Banco Panamericano: faltou cobertura de qualidade para que a opinião pública conhecesse melhor os fatos.

Dois pesos. Maria Rita Kehl analisa o comportamento da imprensa no processo eleitoral (Viomundo).

* A imprensa diária está morrendo? Texto de Ignacio Ramonet publicado em Carta Maior.

* O fim do
Jornal do Brasil impresso e o papel do jornalismo público. Artigo de Beto Almeida, da Telesur, publicado em Carta Maior.


* A entrevista de Juan Luis Cebrián, do El País, concedida ao Sabático em abril de 2010. Leia aqui: parte 1 e parte 2.


* New Journalism: mudança radical na imprensa  completa 50 anos. Leia aqui  o artigo de Marcelo  Pimenta da Silva  publicado no Observatório  da Imprensa.


* Estudos  em Jornalismo e Mídia, revista da Universidade  Federal de Santa Catarina. Neste número, Teorias do Jornalismo.


* Jornalismo    multimídia online desafia rotinas e valores da profissão e da  sociedadeCarlos  Castilho, do Observatório da  Imprensa.


* Teoria crítica do discurso noticioso, de João Carlos Correia. Texto integral dispobilizado pelo Labom.


* Redefinindo os gêneros jornalísticos: proposta de novos critérios de classificação. Acesse
aqui a íntegra do livro de Lia Seixas, publicado no Labcom, de Portugal.


* Os neojornalistas estão chegando. Leia o artigo de Muniz Sodré publicado no Observatório da Imprensa.


* Além dos aviões de Carreira. Sylvia Moretzsohn, do Observatório da Imprensa.

______________________________

* Outros textos que estudam e discutem o jornalismo: aqui

______________________________