sexta-feira, 28 de junho de 2019

O papel ridículo do Brasil na reunião do G-20 no Japão

O rato que ruge, a paródia anglo-estadunidense dirigida por Jack Arnold em 1959: um país falido que tenta invadir os Estados Unidos 

Sob o "comando" de Bolsonaro, o Brasil dá vexame na reunião do G-20 e amplia seu isolamento internacional: ostentamos o pior desempenho econômico, temos a mais grave concentração a renda, o governo patrocina políticas ambientais predatórias, pregamos o armamento da população e o presidente é defensor da tortura. Merecemos o desprezo do mundo todo.

______________________________

Nenhum comentário: